terça-feira, 1 de fevereiro de 2011

MÁGICA DE MIM

Tirei cores do meu sorriso
como um pahaço que se despede,
pintei minhas palavras
de um vermelho que não se mede,
fiz sorrir a plateia
como ávida criança ,
depois mudei de ideia
e chorei lembrança e esperança...
Mágica de mim,
rodopiei tirando luas da cartola,
tocando velhas músicas na vitrola,
oferecendo balas e mariolas...
Como trapezista atrapalhado
andando na corda bamba desafinado,
inventei o meu reinado
e as notas dessa ciranda,
num ritual inacabado...
Finda-se o espetáculo...
A cortina desce...
As luzes se apagam...
E eu volto nos amanhãs,
trazendo  da minha viola
sonhos e mais sonhos
das minhas mais insinuantes
e mágicas manhãs...

24 comentários:

  1. A foto e o texto. Que ritual mais bonito!

    BeijooO*

    ResponderExcluir
  2. E assim, dançando com as cirandas das nossas incertezas vamos indo, dia após dia.

    Beijos lindona!

    ResponderExcluir
  3. O Show nunca se acaba para o artista da vida!

    ResponderExcluir
  4. Oi Carla,
    Tudo bem?

    Passando para observar sua mágica natural durante as manhãs com as palavras, é sempre bom, moça.

    Um lindo dia para você,

    Aquele abraço!

    ResponderExcluir
  5. Carlinha ! Sua mágica é linda e plena quer seja pela manhã, à tarde ou o dia inteiro...

    Suas palavras são milagres mágicos, assim como a nossa vida ! Grande Beijooooooooo.

    ResponderExcluir
  6. Desce a cortina, mas nós continuamos sendo os actores da nossa vida!
    Beijo

    ResponderExcluir
  7. mágico!
    aplaudo de pé, desde o fosso da orquestra.
    beijo sem cartola!

    ResponderExcluir
  8. Só o título é um poema!

    O resto? Não é resto! É essencia!

    ResponderExcluir
  9. E na ciranda de suas palavras, envolvo-me em sorrisos...

    Perfeito!!

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Toda essa mágica muito me comoveu. Seu espaço é de um preço inestimável e seus versos parecem que conversam com a gente...é algo surpreendente. Estou a te seguir. Adorei tudo por aqui, com carinho

    Dan

    ResponderExcluir
  11. Oi Muito Bom seu Blog, Segue o Meu?
    Aposto que vai gostar!

    http://blogdodavidsa.blogspot.com

    @David_jsa

    ResponderExcluir
  12. O cotidiano e os sentimentos descritos numa linguagem que encanta. Parabéns! Adorei a analogia.

    ResponderExcluir
  13. Leveza e força juntas em cada palavra... escreves c alma. Parabéns! Bjãoo.

    ResponderExcluir
  14. Ollá Carla..
    tem presente pra vc lá no meu bloggg...
    xerooo

    ResponderExcluir
  15. E entre duvidas e devaneios vamos dançando a valsa da vida, com a com o rosto pintado e corção de palhaço! Disparando contra tudo e todos munição de amor e alegria!

    Beijso
    Jão!

    ResponderExcluir
  16. oi carlinha. que lindo isso, lembrou-me o grande circo místico... adorei. bjs

    ResponderExcluir
  17. (...)"tocando velhas músicas na vitrola,"(...)
    Incrível a capacidade que o ser humano tem de fazer mágica ao ouvir coisas velhas, lembranças fazem a mágica em cada um, é como ter o poder de voltar ao passado e sentir as mesmas sensações do momento vivido.Amei esse poema!

    ResponderExcluir
  18. Os palhaços são personagens mágicos, como a poesia também o é. A suavidade sempre presente...Gostei.

    ResponderExcluir
  19. A magia do palhaço reflete a magia da palavra na poesia. Parabéns pelo belo escrito.

    ResponderExcluir

Cola sua ESCREVÊNCIA na minha...Eu junto tudo e a gente faz uma canção...
Juntos, os nossos sonhos de ESCREVÊNCIA podem ser maiores...

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Leia mais...